N Engenheiros
Avaliação das casas atinge novo máximo

Valor a que os bancos estão a avaliar os imóveis para efeitos de concessão de crédito para a compra subiu para 1.330 euros, em janeiro. Trata-se de um novo máximo de mais de uma década.

 

Vidreira Louletano

Infiltração Zero

O valor que os bancos atribuem às casas para efeitos de concessão de crédito voltou a aumentar no primeiro mês do ano, atingindo um novo máximo. De acordo com o Instituto Nacional de Estatística (INE), o valor do metro quadrado subiu pelo 34.º mês consecutivo, fixando-se nos 1.330 euros, em janeiro, máximo de mais de uma década.

Entre dezembro e janeiro foi registado um aumento de nove euros (0,7%) no valor da avaliação bancária, sendo que se a comparação for feita com janeiro de 2019, verifica-se que o valor médio das avaliações cresceu 8,5%, ou o equivalente a 104 euros.

O preço médio da avaliação bancária das casas fixado no primeiro mês deste ano é o mais elevado do histórico do gabinete público de estatísticas, cujo início remonta a setembro de 2008.

O continuado aumento da avaliação bancária leva a que, por exemplo, um imóvel de 100 metros quadrados estivesse avaliado em janeiro em 133 mil euros, em média. Ou seja, mais 10.400 euros face há um ano antes.

 

Ademar Dias

ÚLTIMAS

Há: 2 horas

 

Localização

Rua dos Pelames - Terminal Rodoviário, 1º Andar 8800 Tavira, Portugal

 

 

 

 

 

Contactos

Telefone: +351 281 380 240

Emails:

Geral: horizontealgarve@gmail.com

Secretaria: horizontesecretaria@gmail.com

Redação: horizontenoticias@gmail.com

 
Zircon - This is a contributing Drupal Theme
Design by WeebPal.