N Engenheiros
Município de Faro assinala 500 anos do Convento de Nossa Senhora da Assunção

Artesanato, música, artes visuais, animação de rua e atividades para a família são os ingredientes para as comemorações dos 500 anos da “casa” do Museu Municipal de Faro.

 

Vidreira Louletano

Infiltração Zero

O Museu Municipal de Faro irá receber, nos dias 7, 8 e 9 junho, o evento “Mercadium”, para comemoração dos 500 anos do antigo convento de Nossa Senhora da Assunção, edificado em 1519. Hoje, este edifício não é apenas um monumento que lembra os tempos de grandeza da cidade. Quinhentos anos depois, é também um equipamento cultural e museológico prestigiado, cento e vinte cinco anos depois da sua abertura.

Durante 3 dias, a vila adentro, mais precisamente o antigo convento, o quintalão do museu, o Largo Afonso III e as ruas do castelo e do repouso vão estar animados com artesanato, música, desenho digital na fachada do museu e atividades para os mais jovens. Os festejos começam dia 7 de junho, sexta-feira, pelas 17h00, prolongando-se até às 00h00. Sábado e domingo terão início às 12h00 e terminarão igualmente à meia-noite. O programa estende-se às famílias pois irá haver atividades infantis e juvenis com um carrossel em madeira e uma zona infantil para ocupação dos mais novos. Conta ainda com a participação da restauração da Vila Adentro, com a confeção de menus especiais dedicados à efeméride.

O evento Mercadium, a não perder e com entrada livre, vem recuperar o ambiente urbano, social e económico de Faro na época quinhentista, com referências ao passado e também aos tempos da atualidade.

 

Sobre o antigo convento de Nossa Senhora da Assunção

O antigo convento de Nossa Senhora da Assunção é um dos postais da arquitetura histórica da cidade velha de Faro. Este edifício, classificado como Monumento Nacional, tem a sua principal atração no claustro, não só pela beleza estética, mas também pelo facto de ter sido um dos primeiros exemplares protorenascentistas em Portugal. A sua origem data do século XVI, mais precisamente ao ano de 1519, e deve-se a 2 freiras de Beja que decidiram instalar neste local uma comunidade de clarissas, contando para esse efeito com o alto patrocínio régio de D. Leonor e D. Catarina. O convento seria concluído por volta de 1550, dispondo das instalações e serviços necessários para os bons ofícios religiosos. Não faltavam capela, dormitórios, biblioteca e casa da madre. Seria assim até ao século XIX, altura em que o convento dá lugar a uma fábrica de cortiça, alterando o espaço e os seus usos. No século seguinte, na década de 60, tornava-se morada da biblioteca e do museu municipal. Hoje, o antigo convento é um equipamento cultural e museológico prestigiado, com cerca de 35.000 visitantes anuais, que aposta forte na participação da comunidade com intuito de motivar os munícipes e os turistas que visitam Faro a sentir a rica cultura da cidade.

 

Ademar Dias

ÚLTIMAS

Há: 17 horas

Há: 1 dia

Há: 2 dias

 

Localização

Rua dos Pelames - Terminal Rodoviário, 1º Andar 8800 Tavira, Portugal

 

 

 

 

 

Contactos

Telefone: +351 281 380 240

Emails:

Geral: horizontealgarve@gmail.com

Secretaria: horizontesecretaria@gmail.com

Redação: horizontenoticias@gmail.com

 
Zircon - This is a contributing Drupal Theme
Design by WeebPal.