Vicente Garcia de Mateos venceu Grande Prémio Abimota

Louletano - Hospital de Loulé - Fibralgarve sempre de amarelo.

No ciclismo, não deixou margem para dúvidas a vitória do espanhol Vicente Garcia de Mateos, chefe de fila da equipa algarvia Louletano - Hospital de Loulé - Fibralgarve, na edição comemorativa dos 40 anos do Grande Prémio Abimota, uma das mais características competições do calendário do ciclismo português que terminou, este domingo, em Águeda.

Vicente Garcia de Mateos conquistou a liderança logo ao primeiro dia na etapa que terminou junto ao castelo de Belmonte. O triunfo folgado, mais de um minuto para o segundo classificado, abriu boas perspetivas ao corredor de 28 anos que tranquilamente e cheio de confiança declarou sentir-se a atravessar um excelente momento de forma. O chefe de fila do Louletano acreditava ter conquistado a vantagem suficiente para chegar ao fim com a camisola da liderança. Se bem o declarou também o confirmou nas etapas seguintes com a ajuda de toda a equipa orientada pelo diretor desportivo, Jorge Piedade.

Na chegada ao Sabugal, no segundo dia, Vicente perdeu apenas sete segundos chegando no grupo da frente.

A terceira etapa, mais uma vez discutida sob calor intenso, mostrou o "comboio algarvio" a controlar a frente do pelotão e a reservar, ao máximo, o líder para os quilómetros finais. A lição estava bem estudada e na aproximação a Manteigas eis que surgiu o espanhol, natural de Castilla La Mancha, a discutir o risco da meta. A vitória escapou-lhe por muito pouco, foi segundo classificado com o mesmo tempo do vencedor e com a bonificação da chegada reforçou a liderança para o derradeiro dia.

Este domingo, nos 176 quilómetros da ligação mais longa do Grande Prémio Abimota 2017, discutida entre Gouveia e a Capital das Duas Rodas, a cidade de Águeda, o Louletano-Hospital de Loulé-Fibralgarve provou novamente estar à altura de defender a camisola amarela e até tentar a vitória de etapa, o que aconteceu com o sprint fantástico de Luís Mendonça, terceiro classificado e cronometrado com o tempo do vencedor. Vicente Garcia de Mateos concluiu a quarta e derradeira etapa em quinto lugar e confirmou em definitivo a entrada na lista de vencedores do Abimota. O espanhol sucede a Filipe Cardoso, vencedor do ano passado e segundo classificado desta vez. O pódio da prova ficou completo com César Fonte na terceira posição.

“Sempre acreditei que podia vencer depois da vantagem alcançada em Belmonte. Sinto-me muito bem e confiando nas minhas capacidadades e nas da equipa sabia que não podia falhar. Agora vou desfrutar deste triunfo com os meus companheiros e naturalmente já estou a pensar na Volta a Portugal que é o grande objetivo da temporada”, declarou o satisfeito e sorridente vencedor do Grande Prémio Abimota. Apesar do desgaste de defender diariamente a camisola amarela, a equipa Louletano-Hospital de Loulé-Fibralgarve saiu de Águeda com o quarto lugar coletivo.

 

Ademar Dias

ÚLTIMAS

Há: 4 horas

Há: 6 horas

Há: 7 horas

 

Localização

Rua dos Pelames - Terminal Rodoviário, 1º Andar 8800 Tavira, Portugal

 

 

 

 

 

Contactos

Telefone: +351 281 380 240

Emails:

Geral: horizontealgarve@gmail.com

Secretaria: horizontesecretaria@gmail.com

Redação: horizontenoticias@gmail.com

 
Zircon - This is a contributing Drupal Theme
Design by WeebPal.