N Engenheiros

GNR apreende 20 mil cigarros de contrabando no Algarve

A Unidade de Acção Fiscal (UAF) da Guarda Nacional Republicana, através do Destacamento de Acção Fiscal (DAF) de Faro, ontem, dia 21 de janeiro, apreendeu 20 000 cigarros de contrabando, nos concelhos de Lagoa e Albufeira.

Na sequência de uma ação de prevenção e combate à evasão e fraude tributárias que incidiu sobre empresas transportadoras, os militares da Guarda detetaram duas embalagens sem qualquer documento que as acompanhasse e que continham 1 000 maços de cigarros, pronto a ser vendido ao consumidor, verificando ainda que estes não ostentavam a estampilha fiscal exigida para a sua comercialização em território nacional.

Na sequência das diligências policiais foi constituído arguido o destinatário da mercadoria, um homem de 38 anos, por suspeita de contrafação e introdução irregular no consumo, e foi apreendido o tabaco cujo valor comercial ascende a 4 500 euros, sendo que a sua comercialização ilícita teria causado um prejuízo ao Estado, em sede do Imposto Especial sobre o Consumo do Tabaco (IT) e do Imposto de Valor Acrescentado (IVA), de cerca de 3 600 euros.

 

Ademar Dias

Partilha este artigo