N Engenheiros

Moinho do Bengado reforça a sua dinâmica com visitas interpretadas e projeto de voluntariado

Em maio, o Moinho do Bengado, recuperado em 2005 pelo município de São Brás de Alportel, reforça a sua dinâmica com um programa de visitas interpretadas e projetos de voluntariado.

Este relevante legado histórico-cultural pode agora ser visitado às quartas-feiras de manhã e às quintas-feiras à tarde, mediante marcação prévia junto do Gabinete Municipal de Turismo, bem como em outras datas e horários mediante prévio agendamento, e através de acordos a estabelecer com agentes de turísticos e entidades. O Moinho integra também a estratégia de Educação Ambiental, coordenada pelo Serviço de Educação Ambiental, sediado na Quinta do Peral.

Também este mês, o Moinho do Bengado está de portas abertas nas tardes de domingo, para acolher os visitantes, entre as 15h00 e as 18h00, sem necessidade de reserva prévia.

Este novo programa conta com um projeto de voluntariado, desenvolvido por um casal de moleiros holandeses, residentes na região, que partilharão com os visitantes conhecimentos, segredos e a sua imensa paixão pelos moinhos.

Esta iniciativa marca o arranque de um programa de dinamização turística e de projetos de voluntariado que permitem que o Moinho, património molinológico do concelho de São Brás de Alportel, possa acolher visitantes aos domingos à tarde, das 15h00 às 18h00, durante este mês, assim como às quartas e quintas-feiras, das 9h30 às 13h30, e das 14h00 às 17h00, respetivamente.

As visitas durante os dias de semana carecem de marcação prévia junto do Gabinete Municipal de Turismo, a funcionar no Centro de Artes e Ofícios de São Brás de Alportel ou através dos contactos: telf.: 289 840 210 / e-mail: turismo@cm-sbras.pt.

 

Moinho do Bengado

Construído em 1850, de tipo mediterrânico, fixo, construído em pedra e com forma cilíndrica e uma área de 42,50 m2, constitui um exemplo de moinho de cabresto, o mais antigo sistema de tração por meio de corda e recurso a marcos, para a rotação do tejadilho, em busca do melhor quadrante.

Construído em 1850 e restaurado em 2005, o Moinho do Bengado, de tipo mediterrânico, fixo, construído em pedra e com forma cilíndrica e com uma área de 42,50 m2, constitui um exemplo de moinho de cabresto, o mais antigo sistema de tração por meio de corda e recurso a marcos, para a rotação do tejadilho, em busca do melhor quadrante.

O seu restauro em 2005 teve como objetivo a valorização da identidade cultural do Município e da região, divulgar técnicas e saberes ancestrais de inestimável valor cultural, nomeadamente a importância do moleiro na vida social da comunidade rural enquanto exímio mestre na arte de colocar o moinho a moer, consoante o lao e a intensidade do sopro do vento, assim como na importante tarefa de picar a mó para fazer a melhor farinha da região.

Coordenadas: 37°09'14.0"N 7°50'33.6"W

Mais informação disponível no site do Município de São Brás de Alportel, em www.cm-sbras.pt

 

Ademar Dias

Partilha este artigo