N Engenheiros

Pedro Burmester ao piano no “Verão em Tavira”

No âmbito da programação do “Verão em Tavira”, sobe ao palco, no dia 18 de agosto, pelas 22h00, no Parque do Palácio da Galeria, o pianista Pedro Burmester.

Natural do Porto, Pedro Burmester (com o Curso Superior de Piano do Conservatório do Porto e uma passagem de quatro anos pelos Estados Unidos) iniciou a sua atividade concertística aos 10 anos e, desde então, realizou já mais de mil concertos a solo, com orquestra e em diversas formações de música de câmara, em Portugal e no estrangeiro.

São de destacar colaborações com os maestros Manuel Ivo Cruz, Miguel Graça Moura, Álvaro Cassuto, Omri Hadari, Gabriel Chmura, Muhai Tang, Lothar Zagrosek, Michael Zilm, Frans Brüggen, Georg Solti, Leopold Hager, Baldur Brӧnnimann e Peter Rundel.

Dedicou-se, igualmente, à música de câmara. Mantém, há alguns anos, um duo com o pianista Mário Laginha e atuou com os violinistas Gerardo Ribeiro e Thomas Zehetmair, com os violoncelistas Anner Bylsma e Paulo Gaio Lima e com o clarinetista António Saiote. Formou um grupo de pianos e percussões que tem marcado presença em diversos festivais e concertos, em Portugal. A sua música faz-se ouvir, também, a nível internacional.

Foi director artístico e de educação na Casa da Música, projeto que ajudou a criar e a implementar. Atualmente, para além da sua atividade artística, é professor na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE), no Porto.

 

Bilheteiras:

Praça da República: diariamente, entre as 20h00 e as 23h00

Largo frente ao Palácio da Galeria: dias dos espetáculos, entre as 20h00 e as 23h00 (apenas para disponibilização dos ingressos correspondentes ao espetáculo da noite).

Palácio da Galeria: terça-feira a sábado, entre as 10h30 e as 18h45

 

Para os espetáculos gratuitos os ingressos encontrar-se-ão disponíveis, no dia anterior à sua realização. Caso os bilhetes não se esgotem, estes serão entregues, no dia do espetáculo, na bilheteira no Largo frente ao Palácio da Galeria. São disponibilizados, no máximo, dois ingressos por pessoa.

 

Lotação máxima dos espaços reduzida de acordo com as normas da DGS e os planos de contingências criados para o efeito. Obrigatória a aquisição prévia de ingressos, inclusive nos espetáculos gratuitos.

Classificação etária: maiores de 6 anos. Nos espetáculos com valor de ingresso, as crianças pagam a partir da idade autorizada.

Obrigatório usar máscara e cumprir as regras de segurança definidas.

Não é obrigatória a apresentação de teste à COVID-19, nem certificado digital, dado que o recinto é ao livre e com capacidade inferior a 1000 lugares.

Entrada gratuita.

 

Ademar Dias

Partilha este artigo