N Engenheiros

Projeto “Costas a Mexer” sensibiliza crianças para a importância da educação postural

As Equipas de Saúde Escolar, Fisioterapeutas e Terapeutas Ocupacionais da Administração Regional de Saúde do Algarve estão a realizar sessões de educação para a saúde dirigidas às crianças dos 4º e 5º anos dos Agrupamentos de Escolas da região do Algarve, no âmbito do Projeto “Costas a Mexer”, com o objetivo de melhorar os hábitos posturais e promover comportamentos e estilos de vida saudável junto dos mais novos.

Ao longo dos próximos meses, os profissionais de saúde vão percorrer as várias escolas da região, para de uma forma pedagógica e com recurso a materiais informativos, incluindo jogos, folhetos, livros e um vídeo didático, sensibilizar as crianças, os professores e os encarregados de educação para a importância de adoção de posturas adequadas nos diferentes contextos diários, tais como a correta utilização das mochilas dando especial enfoque à arrumação e ao peso máximo recomendável, para prevenir o aparecimento de patologia da coluna vertebral.

No mesmo âmbito, recorrendo a exemplos teórico-práticos vão também promover hábitos e estilos de vida saudáveis, como a prática regular de exercício físico, do brincar ao ar livre, da alimentação saudável, da hidratação adequada e do repouso aconselhável, e a importância de reduzir o tempo de sedentarismo e de exposição excessiva a ecrãs digitais.

O projeto, que vai ser implementado pelas equipas dos três Agrupamentos de Centros de Saúde (ACeS) da região, pretende chegar a cerca de 8 900 crianças do 4º e 5º anos das escolas algarvias, tendo as primeiras sessões decorrido na semana passada na EB 2,3 D. Afonso III em Faro e na Escola da Conceição de Tavira e Cabanas às turmas dos 4º anos.

 

Ademar Dias

Partilha este artigo