Tavira assinala Dia Internacional da Síndrome de Angelman (DISA)

Tavira associa-se às comemorações do Dia Internacional da Síndrome de Angelman (15 de fevereiro) com a iluminação de azul do edifício dos Paços do Concelho, entre 14 e 20 de fevereiro. O Município adere ao apelo da Angel – Associação Síndrome de Angelman Portugal com o intuito de sensibilizar a sociedade para esta doença genética rara.

As pessoas com esta síndrome têm um severo atraso no desenvolvimento cognitivo, motor e psicomotor. Comunicam, mas não falam, apresentam distúrbios de sono, crises convulsivas e incapacidade de coordenação de movimentos.

Esta doença afeta uma em cada 20 mil crianças. Em Portugal, estima-se que existam aproximadamente 500 casos, sendo que a Associação já identificou 80 situações.

O dia escolhido foi 15 de fevereiro, uma vez que 15 é o cromossoma afetado e fevereiro é o mês internacional das doenças raras.

A Angel foi criada, em 2012, por um grupo de pais que sentiram a necessidade de reunir esforços e ideias para proporcionarem uma vida melhor aos seus filhos.

Mais informação em http://www.angel.pt/ e https://www.facebook.com/AngelmanPT

Partilha este artigo