Vilamoura: GNR apreende 130 quilos de alfarroba furtada

Ontem, dia 25 de agosto, em Vilamoura ,o Comando Territorial de Faro da Guarda Nacional Republicana, através do Posto Territorial de Vilamoura, apreendeu 130 quilos de alfarrobas e identificou um homem, de 41 anos, por suspeitas da prática do crime de furto de produtos agrícolas.

No decorrer de uma denúncia de que um grupo de indivíduos estaria a ocupar ilegalmente uma habitação em ruínas, à chegada ao local, os militares da Guarda detetaram o suspeito a apanhar alfarroba, afirmando ter autorização do proprietário do terreno. No decorrer das diligências policiais, foi possível apurar que o proprietário do terreno não deu permissão, sendo que, no total, foram apreendidos cinco sacos de alfarrobas, com 130 quilos, e avaliados em 102 euros.

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Loulé.

A GNR, no âmbito da operação “Campo Seguro 2020”, encontra-se desde o dia 1 de junho a levar a cabo ações de sensibilização e fiscalização, com o propósito de evitar crimes de furto, junto das propriedades agrícolas e, uma vez que nesta altura do ano, o foco na região do Algarve se direciona para a alfarroba pelo valor comercial que representa e pela facilidade quer na apanha quer na venda. A Guarda incrementou o policiamento com o intuito de dissuadir e reprimir a prática do furto de alfarrobas.

 

Ademar Dias

Partilha este artigo