N Engenheiros

VOLTA: Kyle Murphy bisa e Amaro Antunes conquista Amarela

Cumpriu-se hoje, sexta-feira, 13 de agosto, a oitava etapa da Volta a Portugal. A partida teve lugar em Bragança, daí foram 160,7 quilómetros até Montalegre, com um final em alto na Serra do Larouco.

E o cenário repetiu-se com mais uma fuga numerosa a marcar a tirada e com o pelotão a ser inicialmente comandado pela equipa Atum General/Tavira/ Maria Nova Hotel.

Henrique Casimiro (Kelly/Simoldes/UDO) era o elemento da fuga melhor classificado na geral, 15º a 2m21s do líder. Chegou a ser virtual líder da geral individual, acabou por não vestir a camisola amarela mas, ainda assim, esteve em bom plano.

Na subida para Torneiros a W52-FC Porto atacou. O camisola amarela, Rafael Reis (Efapel) ficava definitivamente para trás e formava-se assim, um seleto grupo intermédio com Amaro Antunes, Joni Brandão e João Rodrigues (W52-FC Porto), Abner González (Movistar), António Carvalho, Frederico Figueiredo e Mauricio Moreira (Efapel), Alejandro Marque e Alvaro Trueba (Atum General/Tavira/Maria Nova Hotel).

Na subida final estava claro que a vitória seria discutida entre os escapados e o ataque decisivo foi de Kyle Murphy. O ciclista norte-americano da Rally Cycling somou a segunda vitória na Volta a Portugal, deixou Jose Felix Parra (Kern Pharma) na segunda posição a 13 segundos e Henrique Casimiro acabou por fechar o pódio a 25 segundos.

Quanto aos homens da geral, na subida do Larouco a W52-FC Porto voltou a atacar e tirou dividendos disso. Mauricio Moreira foi o melhor dos favoritos, a 1m10s de Kyle Murphy, Jóni Brandão e Frederico Figueiredo chegaram a 1m14s, e logo a 1m16 Amaro Antunes que, assim, assume a liderança da geral individual, até porque Alejandro Marque chegou a 1m35.

Contas feitas, Amaro Antunes lidera, tem Alejandro Marque a 14 segundos, Frederico Figueiredo a 18 e Mauricio Moreira a 50. Henrique Casimiro sobe a 5º a 57 segundos, enquanto Jóni Brandão, 6º, está a 58 segundos.

Para mais classificações consulte o separador “classificações” no site oficial da prova, em www.volta-portugal.com/

 

E neste sábado chegamos a mais um momento decisivo desta 82ª Volta a Portugal em bicicleta. A 9ª etapa reserva-nos a sempre decisiva subida à Senhora da Graça. De Boticas a Mondim de Basto, e à meta instalada no alto do Monte Farinha, os ciclistas enfrentam um difícil percurso de 145,5 quilómetros.

 

Acompanhe a Volta a Portugal em direto na emissão da Horizonte Algarve.

Acompanhe o Diário da Volta com emissão às 20 horas e repetição às 21 horas e ainda no dia seguinte às 7 horas, 8 horas e 9 horas.

Pedale com a Horizonte Algarve, em 96.9FM e 106.8FM e ainda na emissão online em www.radiohorizonte.com.

 

Ademar Dias

Partilha este artigo